terça-feira, julho 21, 2009

Caos tecnológico

Hoje estava no Barrashopping de bobeira almoçando e vi que abriu uma loja nova da Sony chamada Sony Style, cheio de novidades da marca japonesa aqui no Brasil. A loja parece ter sido projetada pra ser uma experiência completa em multimídia, com computadores, cameras fotográficas e de filmagem, headphones, televisões, aparelhos de som, etc etc etc. Para o consumidor, é possível tocar, experimentar e testar o que está à venda, e tem inclusive uma salinha toda preparada com um sistema de som completo pra ter uma melhor sensação/experiência da utilização dos equipamentos. Estilo FNAC ou FAST SHOP, mas só de produtos da Sony.

Duas coisas me chamaram a atenção nessa loja que me fizeram escrever este post. Em primeiro lugar, vi que estava sendo vendido na loja o Headphone MDR-V700DJ por um pouco mais de R$ 400, que é mais ou menos o preço praticado aí no mercado em geral (mercado livre, uruguaiana, paraguai, Panda Import etc). Achei legal pois é raro ver equipamento para DJ ser vendido numa loja "comum". É possível, então, comprar um produto como este diretamente da Sony, com garantia total, sem maiores dores de cabeça ou preocupações. Imagina se resolvem também abrir uma loja da Pioneer ou da Technics por aí?

A outra coisa que me chamou a atenção foi ver a variedade de aparelhos que estão sendo vendidos que possuem HD interno para armazenar dados (músicas, vídeos etc). E se você parar pra pensar, vai ver que quase em todo aparelho existe um HD de 40 ou 80 Gb disponível, como iPODs, Televisões, Receptores de TV a cabo digital, aparelhos de som, celulares, HDs externos para usar como backup, pen drives (não tão grandes, mas contam) e até mesmo o seu próprio computador (pois é, tudo começou com ele).

O que me "preocupa" nessa história toda é: como é que o cidadão vai manter seu acervo musical (por exemplo) atualizado, estruturado e decentemente organizado se existem tantos lugares distintos e desconectados entre si que podem armazenar a mesmíssima informação, para que possa estar disponível pra ser exeutada no exato momento em que se deseja?

Vou especificar melhor: como vou manter todos os locais devida e tempestivamente organizados, se eles não estão automaticamente integrados entre si? Se eu baixar uma música nova no computador eu vou ter que replicar no pen drive que vai tocar no mp3 player do carro, colocar no meu ipod, gravar no celular, passar para o HD interno do aparelho de som, e que mais?...

E se eu ripar um CD no aparelho de som, vou ter que replicar toda a informação nova nos demais aparelhos? Como vou lembrar de fazer tudo isso? Como vou ter tempo pra fazer tantas replicações? Como vou ter o controle do que já foi atulizado e o que não foi? E mesmo assim vou correr o risco de ter alguma das partes parcialmente desatualizada em um momento ou outro.

Sei lá, eu sou um cara meio (totalmente) metódico com essas coisas, me sentiria meio frustrado e ansioso por não saber exatamente onde estão cada uma das minhas coisas, sem ter o controle de que eu vou encontrar o que preciso rapidamente e com um alto grau de certeza.

Pode até ser uma neurose exagerada, mas acho que tem muita gente por aí que pensa igual a mim, que vai ficar feliz, mas ao mesmo tempo meio puto de saber que existem tantos lugares "perdidos" onde suas músicas vão estar, correndo o risco de ter as suas estruturas de armazenamento absolutamente desalinhadas entre elas, levando ao caos, ao descontrole e à desorganização total.

Um comentário:

Transeunte disse...

Cara isso é foda, mas veja pelo lado bom.. antigamente o conteúdo das mídias era intransferível: No carro só se ouvia rádio, LP só no três-em-um na sala, e o máximo de flexibilidade era gravar uma K7 de péssima qualidade pra ouvir com os amigos.

Como virginiano de raiz eu tambem sou atormentado por isso, e atualmente a melhor solução é ser old school: Um HD parrudo centralizando toda a informação. Aproveita que os de +1TB tão caindo e os de 500GB já viraram troco.

Se quiser ouvir algo no celular, no carro, ver um filme no notebook, eu copio de lá.. dá trabalho, mas pelo menos dá pra manter controle e evitar o tormento de MP3 duplicadas. ;)

[]'s!