domingo, março 14, 2010

DJ PREGUIÇOSO?

De vez em quando meus amigos me chamam pra tocar em festinhas pequenas, de amigos, sem maiores compromissos, como DJ convidado. Quando eu sou o primeiro DJ a ser chamado, geralmente o tamanho do problema é maior ainda, porque ainda não existe equipamento contratado/alugado/emprestado/whatever.

Geralmente fico num grande dilema sobre aceitar ou não esse tipo de convite, porque rola uma preguiça grande de carregar peso pra cima e pra baixo (caixa de som, amplificador, case de CDJ etc). E é realmente um fator decisivo, ainda mais quando se tem 30 anos de idade (a coluna vertebral vai ficando dolorida).

Uma idéia que já tive há algum tempo atrás foi começar a usar algum tipo de controlador MIDI/USB e tocar direto com o computador (sem CDJ ou MK2). O "problema" é que eu uso o Serato, e minha biblioteca já está toda organizada lá naquele software. Não rola de migrar pra outro software. E eu dei uma procurada pela internet a respeito de controladores para o Serato, e parece que não existem muitos.

O site da Rane (fabricante do Serato) diz a lista dos harware 100% compatíveis e aprovados por ela para utilização com o Serato (veja aqui), mas são todos CDJs (ou seja, peças grandes e pesadas, que estão fora do escopo). Eu estava pensando em comprar algo do tipo o M-AUDIO Torq Xponent, que parece ser muito bom e compacto. Só que não cheguei à conclusão se ele funciona com o Serato ou não. Ou mesmo se existe algum outro bom controlador que funcione com o Serato, além da lista divulgada pela própria Rane.

Pelo que entendi do site da Rane, existe um software chamado ITCH que inclusive lê a sua biblioteca do Serato e funciona bem com controladores MIDI/USB em geral (a gama de opções é bem maior que a do Serato, veja). De repente essa seria uma opção ao Serato, mas será que é igual, funciona do mesmo jeito? Ou eu teria que me acostumar com um software 100% novo?

Então as opções aqui seriam:

1) encontrar um controlador MIDI/USB pequeno e leve que seja compatível com o Serato;
2) passar a usar esse tal de ITCH, pois parece ter uma compatibilidade maior.

Vou pensar na solução ideal (se é que existe alguma), e depois volto a escrever. Se alguém tiver alguma idéia, manda aí!


Torq Xponent da M-AUDIO

2 comentários:

Miguel disse...

Tu não consegue usar só o computador com o Serato e um mixer?
eu to passando a fazer isso aqui com o Torq pra testar, não é tão intuitivo claro, mas é muito prático.
Já usei o Xponent e é bem legal, o software eu já estava acostumado e o controlador responde bem, além de já vir com a placa embutida nela.

Marcelo KPZ disse...

Cara, o Serato é feito pra usar com CDJ (com CD ou via conexão USB) ou Vinil. Ele não é feito pra tocar direto. Não acho que seja um defeito, é a concepção dele que é assim. Pelo que entendi no site da RANE, eexiste um outro software chamado ITCH que inclusive utiliza a propria biblioteca do Serato (que voce já organizou com tanto cuidado), mas que aceita esses controladores. Não entendi ainda 100% do funcionamento, estou pesquisando.

O problema de usar o Torq é que eu vou ter que organizar a biblioteca de músicas toda novamente, aprender a usar o programa, etc. Não seria essa minha idéia. Se eu pudesse usar o Serato com algum desses controladores pequenos, seria ótimo, mas não sei se dá. :)

Abs!